Centro Israelita | Os ensinamentos de se escrever uma Torá
21055
post-template-default,single,single-post,postid-21055,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Os ensinamentos de se escrever uma Torá

Os ensinamentos de se escrever uma Torá

Já é do conhecimento de todos que o Centro Israelita está finalizando a escritura de sua Torá do Centenário. Ou seja, a sinagoga e todos que participaram deste projeto estão cumprindo uma mitzvá. Pois o ato de se escrever uma Torá traz, junto consigo, alguns ensinamentos.

A Halachá (Lei Judaica) exige que cada letra da Torá seja rodeada pelo pergaminho. Ou seja, escriba deve observar que nenhuma letra toque na outra. Por outro lado, também existe a obrigação de que as letras que compõem uma palavra fiquem posicionadas perto umas das outras de maneira que não aparentem ser letras individuais, tampouco parte de uma palavra. Destes dois pontos, depreendemos uma lição da mais importância, e que tem relação direta com a forma de comportamento dos judeus de forma individual e do povo judeu como um todo

Primeiramente, é imperativo que cada judeu seja independente e siga o que diz a Torá. Ninguém pode apoiar-se sobre outro e deixar que este faça seus deveres como judeu. Ao mesmo tempo, todos devem ter a responsabilidade sobre o próximo. Um judeu deve estar imediatamente ao lado do outro para que pareçam um só corpo e não indivíduos egoístas.

No Comments

Post A Comment