Centro Israelita | Pessach: a primeira grande festa mencionada na Bíblia
20428
post-template-default,single,single-post,postid-20428,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Pessach: a primeira grande festa mencionada na Bíblia

Pessach: a primeira grande festa mencionada na Bíblia

Neste Você Sabia especial de Pessach, resolvemos enumerar alguns aspectos que fazem desta celebração uma data diferenciada em nosso calendário.

1 – Pessach é a primeira das grandes festas judaicas mencionadas na Bíblia;

2 – Originalmente, Pessach era duas festas distintas: Chag Hamatzot (Festa do Pão Ázimo), conhecida muito antes da experiência judaica no Egito e ligada à repentina saída da escravidão quando “levou o povo a sua massa antes que estivesse levedada (Êxodo 12:34), e Chag Hapessach (Festa do Cordeiro Pascal), passou a ser identificada com os acontecimentos do Egito quando Deus, ao mandar as pragas, passou por cima das casas dos judeus, evitando assim a morte de seus primogênitos. Pessach vem da raiz hebraica “pássach”, que significa “passar sobre”;

3 – Chag Hapessach é a festa mais antiga, dos tempos em que maioria dos judeus ainda era formada por pastores nômades no deserto. As famílias comemoravam a chegada da primavera oferecendo o sacrifício de um animal;

4 – Chah Hamatozt, também uma festa primaveril, celebrava o início da colheita dos grãos. Antes de cortá-los, os judeus separavam toda massa azedada – a massa fermentada era usada, em vez de levedura, para levedar o pão;

5 – Com o tempo, ambas ficaram associadas ao Êxodo do Eito, dando origem à comemoração que conhecemos atualmente.

No Comments

Post A Comment