Centro Israelita | Shemini Atzeret: uma festividade independente
21012
post-template-default,single,single-post,postid-21012,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Shemini Atzeret: uma festividade independente

Shemini Atzeret: uma festividade independente

Shemini Atzeret é conhecido como o “oitavo dia da assembleia solene”, mas também frequentemente citado como o oitavo dia se Sucot. Porém, de fato se trata de uma festividade independente.

Os rabinos se referem a ela como reguel bifnê atsmo, uma festa separada, com a exigência que se pronuncie a oração de Shecheianu, acenda velas e reze o Kidush. Tudo isso não precisaria ser praticado se esta não fosse uma festividade independente.

É uma celebração que marca o término dos festejos e observâncias de Sucot e que está prescrita em Levítico 23.36: “no oitavo dia, haverá santa convocação para vós…nenhuma obra servil fareis”. Posteriormente, as comunidades da Diáspora acrescentaram um segundo dia a Shemini Atzeret, que passou a ser conhecido como Simchat Torá. em Israel, a festa de regozijo pelo término e recomeço da leitura das Sagradas Escrituras se dá no mesmo dia que Shemini Atzeret.

No Comments

Post A Comment