Centro Israelita | Tu Bishvat e a relação com o homem
20163
post-template-default,single,single-post,postid-20163,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.1.1,vc_responsive

Tu Bishvat e a relação com o homem

Tu Bishvat e a relação com o homem

TU BISHVAT, o Ano Novo das Árvores! Legalmente, está relacionado ao dízimo que devemos separar da produção cultivada na Terra Santa. É nesta data, também, que tem início um novo ciclo de produção frutífera.

Porém, nesta data podemos fazer uma analogia entre a árvore e o homem. Se a árvore está em constante crescimento, nós também devemos crescer; se ela dá frutos, nós também devemos seguir no mesmo caminho; e, se nesta data é comemorado o “ano novo das árvores”, também devemos renovar os nossos valores pessoais.

Além disso, a raiz da árvore simboliza a conexão com a fonte, nossa fé; o tronco representa a parte principal que sustenta e representa o estudo da Torá e o cumprimento das mitsvot; e o fruto está ligado com o resultado: a meta atingida, nossa influência positiva e contínua na preservação de nossos valores.  É o dia 15 do mês de Shvat, que começamos a vivenciar no anoitecer deste domingo.

No Comments

Post A Comment